Ir direto para menu de acessibilidade.
Página inicial > Ministério da Educação
Início do conteúdo da página
Educação no Ar

Alunos de escola do ensino médio no DF aprendem robótica e saem com dois diplomas

  • Quinta-feira, 17 de maio de 2018, 11h14

 
O ensino médio em tempo integral impulsionou em 22% o número de matrículas nas escolas públicas do Brasil, de acordo com o Censo Escolar 2017. O interesse por essa modalidade de pedagogia pode ser explicado pela forma como o ensino em tempo integral transforma a educação e pela como os jovens passam a ver a escola. Para falar sobre esse assunto, o programa Educação no Ar, produzido pela TV MEC e exibido pela NBR, convidou o diretor do Centro de Ensino Médio Integrado do Cruzeiro (Brasília, DF),  Getúlio Cruz.

A escola se projeta como referência nessa categoria, e os alunos que por ela passam recebem dois diplomas: um do ensino médio e outro de informática. Para obter os dois certificados, os estudantes do terceiro ano fazem estágio supervisionado dentro da própria escola ou em uma empresa. “A intenção é que eles saiam daqui e já entrem no mercado de trabalho”, destaca Cruz.

Oportunidades – O professor conta que, além das disciplinas obrigatórias, são oferecidas aulas de música, teatro, oficinas de esporte, projetos de meio ambiente e robótica – disciplina obrigatória entre os estudantes dessa unidade. “O ensino integral vai muito além de passar o dia na escola”, explica. “O aluno tem a oportunidade de se descobrir dentro dela. Há um leque de oportunidades. ”

A qualidade do ensino oferecido e o empenho dos alunos permitiram que a escola estivesse representada na Olímpiada Brasileira de Robótica e na Mostra Nacional de Robótica. A oferta dessa disciplina tem ajudado os estudantes a definir o futuro profissional, promovendo também maior interação da comunidade com o Centro de Ensino Médio Integrado do Cruzeiro, que criou o Clube de Robótica para levar os ensinamentos a alunos de outras instituições.

O ensino em tempo integral, afirma o diretor, reforça os laços familiares e faz com que os alunos passem a dar maior valor ao ambiente escolar. “Eles passam a ver a escola como um prolongamento da sua casa. ” Como passam um longo período na instituição, todos os estudantes recebem quatro refeições diárias. Além disso, durante o horário do almoço, são oferecidas atividades lúdicas como cinema, teatro, música e dança.

Confira aqui os horários em que o programa Educação no Ar é transmitido.

Assessoria de Comunicação Social

 

Assunto(s): tv escola , Educação no Ar
X
Fim do conteúdo da página